: Nessie @ 16:07

Sab, 20/02/10

 

Adoro ski. Adoro neve. Como sempre adoro aquilo que não está diariamente ao meu alcance.

 

Foram cinco dias muito bem passados, que trazem como efeitos secundários as dores musculares e a dura realidade de que não se irá repetir tão cedo.

Por outro lado as recordações são mais que muitas:

As roadtrips com os primos impacientes no banco de trás, a hospitalidade de Jarandilla De La Vera e o choque de descobrir que afinal o percurso até La Covatilla, a estância, demorava duas horas de carro. Mas duas horas bem recompensadas; a vista era magnífica, as pistas excelentes (da minha humilde experiência no desporto e vagas recordações de El Tarter e Sierra Nevada), e todos os momentos foram bem passados. Fomos atraiçoados por um nevão no segundo dia, com neve e gelo a cair incessantemente e ventos a soprar em todas as direcções - as cadeiras até às pistas mais avançadas foram encerradas e a passadeira que nos transportava até ao cimo de uma das descidas ficou soterrada, mas não desistimos de aproveitar o aluguer dos skis e praticámos o dia todo até o meu cabelo ficar coberto de gelo, quais estalactites, e dar a impressão de que tinha passado o dia a levar com granizados em cima. (O que não deixa de ser verdade, é tudo uma questão de semântica.)  Na última oportunidade resolvi subir até à pista azul como despedida e a partir daí não quis outra coisa, passei o resto do terceiro dia a aguentar três minutos em cadeiras suspensas na companhia de cinco graus negativos só para depois poder descer um desafio maior que as pistas de iniciados - ainda haviam as pistas vermelhas mas eu não sou assim tão ambiciosa, e tenho muita estima aos meus ossos.

Café, Coca-Cola, sandes de bacon, barras de cereais e mais café todos os dias. Os jantares passavam-se no Sports Café, um pouco abaixo do hotel, onde já eramos tratados como velhos amigos - a primeira vez que lá fomos foi porque estávamos demasiado cansados para procurar outro restaurante, no segundo dia foi porque tinha causado boa impressão, no terceiro porque parecia ser o único restaurante aberto em toda a vila e no quarto para a despedida.

E lá pelo meio cumpri mais dois objectivos da lista:

078 rebolar na neve

087 passar férias com os primos

 

A viagem de volta reservou-nos ainda uma visita à terrinha ali pelos lados de Coimbra, onde os meus avós estavam a passar férias com a minha prima, de dois anos. Tivemos direito a lanche recheado de queijadas caseiras, bolo de Ançã com requeijão, e chá. Hmm.

E agora, de volta às origens!

 

Espero que tenham tido uma boa semana.

 

dream on,

Nessie




: Nessie @ 14:53

Dom, 14/02/10

 

Amanhã parto bem cedo em direcção a Espanha, munida de golas altas, sapatos impermeáveis, fatos de ski, iPod, Harry Potter e até buttermints. Os meus primos também vão, can you feel the thrill?

Só gostava de saber onde é que estão as minhas luvas... hm... é o que dá fazer malas à última hora.

Boas férias!

 

dream on,

Nessie 


mood: snowtrip, whoo hoo!
tune: blue suitcase - Erin McCarley

quote de descrição do blog: últimas palavras de François Rabelais, segundo o livro Looking for Alaska (John Green) imagem do cabeçalho via catfromjapan.tumblr.com
Apenas possuo imagens publicadas no meu blog quando mencionado. Todas as restantes - a maioria delas - são retiradas da internet.
"I go to seek a Great Perhaps.
mais sobre mim
contacto
nessieontherun@gmail.com

bloglovin
links