: Nessie @ 14:52

Dom, 24/03/13

 

 

Porque vale sempre a pena as longas horas de espera para os ver, principalmente quando se consegue um lugar sem ninguém à frente a tapar a vista e mesmo junto ao palco. Tão perto que no início até deu para estabeler contacto visual com o Ben e vê-lo a sorrir na nossa direcção (Ben, acho que já podemos ser considerados amigos,) e ver toda a emoção nas caras dos meus quatro gentlemen, a banda que ultrapassa qualquer outra no meu coração.
Podem não ter tocado as minhas queridas "Hopeless Wanderer", "Below My Feet" e "Sigh No More", mas com um concerto daqueles eu perdoo-os e cá fico à espera de uma próxima. E outra. E outra.
Para me despertarem a alma de todas as vezes.
E um grande obrigada à minha companhia na longa espera para entrar no Coliseu e durante o concerto. Cinco estrelas!



: Nessie @ 21:19

Qua, 20/03/13

 

 

 

A minha mãe encontrou uns negativos de uma sessão fotográfica que fizemos há 12 anos para a Casa Cláudia, no ano em que vivemos numa velha casa (assombrada) em Sintra. Acabada de chegar da equitação, fui chamada pela produtora para tirar umas fotografias no pátio com o famoso cheesecake da minha mãe, fotografias que não foram publicadas na revista. Os negativos ficaram esquecidos, mudaram de casa, passaram por um divóricio, e agora encontraram-me aos 20 anos. São boas memórias.


tune: you remind me of home - ben gibbard


: Nessie @ 21:11

Sab, 02/03/13

 

Isto de finalmente poder conduzir o carro da mãe um ano após ter tirado a carta, e andar por aí ao som dos Alt-J, é outra qualidade de vida.


tune: tesselate - alt-j

quote de descrição do blog: últimas palavras de François Rabelais, segundo o livro Looking for Alaska (John Green) imagem do cabeçalho via catfromjapan.tumblr.com
Apenas possuo imagens publicadas no meu blog quando mencionado. Todas as restantes - a maioria delas - são retiradas da internet.
"I go to seek a Great Perhaps.
mais sobre mim
contacto
nessieontherun@gmail.com

bloglovin
links
subscrever feeds